segunda-feira, 3 de maio de 2010

segura-me Senhor.

Senhor eu sei que Tu podes ouvir-me. Então... por favor, não solte minha mão. Prometi a mim mesma que não soltaria. Não tenho outro lugar Senhor para ir, a não ser em seus braços de amor.
Aquecendo-me, fazes-me esquecer o passado de pecado e dor. E é por isso que já não vivo mais em minha força, porque não sobrou nada que valha a pena em mim, mas tua graça me fazes viver um amanhã a qual Tu preparas-te para mim.

Um comentário:

Lucas Costta disse...

Toda Honra é toda gloria a ele por que ele merece...
muito bonito ...Kathy